Aumentos, pra que vos quero?

4 out

Esta semana começamos lá no Tricoteiras uma série sobre aumentos.

Até sexta-feira, serão publicados cinco vídeos (feitos por esta que vos escreve cof, cof, cof…) mostrando como fazer. Começamos com laçada torcida, o aumento preferido da EZ, mas tem também laçada simples (sim! isso é um tipo de aumento), levantando o fio da carreira de baixo, tricotando o ponto da carreira de baixo e tricotando um ponto duas vezes.

Você poderá acompanhar a série todinha aqui.

Agora, você me pergunta: para que aprender tantos aumentos? Só aquele um que eu sei não basta?

Então. Eu também já pensei assim. Lá no comecinho, quando eu deixei de tricotar cachecóis e comecei a buscar novos desafios. Aprendi um e boa. E fiquei com esse um por um bom tempo. Até que um dia eu precisava dar outro efeito visual e aquele um não dava certo. Aí, tive que aprender outro. Depois, em outra situação, precisava de outro. E foi indo, até que aprendi vários.

Numericamente falando, é a mesma coisa. Vamos aumentar os pontos. A exigência passa a ser com o visual da peça. Tem aumentos que caem melhores do que outros. Simples assim.

Moral da história: a experiência vai deixando a gente mais exigente. A gente não quer tricotar de qualquer jeito, né? A gente quer fazer sempre o nosso melhor. E com isso, vamos aprendendo mais coisas, outros jeitos, vamos ficando curiosas e perguntadeiras.

No meu caso, além de aprender para mim, eu também divido o aprendizado lá no Tricoteiras.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: